MiniCurso Análise Técnica/Gráfica Cap 5 #MercadoFinanceiro

Suportes e Resistências

  Essa parte é rápida e é uma forma de resumir e entender conceitos posteriores como "fundo", "topo" etc. Já observamos um pouco ao conversarmos sobre os gráficos em linha.

  Como pode ter notado, certos preços parecem se repetir e há um certo padrão... O fato é que podemos dividir basicamente os atores do Mercado Financeiro em duas espécies básicas: Traders e Investidores. Traders estão ali para ganhar dinheiro. Especulam no curto prazo. Procuram ganhar com mercado em queda ou em alta. Compram uma PETR3 e a vendem em um mesmo dia, ou algum tempo após. Também podem vender a descoberto e usar ações alugadas. Tudo em busca de ganhos.

  Investidores pensam a longo prazo. Seus interesses são vários: dividendos, ser dono de uma porcentagem da empresa e votar nas assembléias, etc e tal. Eles colocam suas ordens e esperam.

  Basicamente dois atores para entendermos o que será explicado aqui. Podemos dividir em mais para explicar outros conceitos e até para exemplificar funções específicas.

  Ok. Vamos avançar. Se observarmos nossos gráficos sempre possuem dois eixos... o tempo nas abcissas e o preço nas ordenadas. Nossa partícula se move em uma função Preço(tempo). Podemos observar que a partícula em determinados momentos aparenta "bater em um teto e voltar" por exemplo. 


Observe a figura:








Suportes ficam embaixo, Resistências em cima. Quanto mais "testado" for um suporte ou resistência, menos eficiente ele estará no próximo teste (quando o preço "passeia" próximo). Gráficos semanais, mensais, anuais de empresas com grandes volumes de negociações, revelam "pontos fortes". Resistências e Suportes que continuarão se comportando da mesma forma, somente aguardando um novo padrão de trades próximos a essa região.

Um suporte "rompido" passa a se comportar como resistência. E vice versa.